Santander Cultural apresenta tributo para Jacob do Bandolim

COMPARTILHAR

No próximo sábado, dia 29 de setembro, às 17h, o Santander Cultural apresenta um tributo para Jacob do Bandolim, criado pelo Sexteto Gaúcho. Formado pelos professores da Oficina de Choro do Santander Cultural, o grupo homenageia o centenário um dos principais instrumentistas e compositores de choro da história do país. Por meio da sua atuação, Jacob do Bandolim (Jacob Pick Bittencourt Rio de Janeiro14 de fevereiro de 1918 — Rio de Janeiro, 13 de agosto de 1969) levou o gênero ao conhecimento do grande público e eternizou sua obra em discos históricos como Vibrações, de 1967, e Eliseth Cardoso ao vivo no teatro João Caetano, de 1968, com Zimbo Trio e Época de Ouro, grupo criado por Jacob que ainda atua nos palcos e é referência máxima para os chorões atuais. O músico foi autor de clássicos, como Doce de Coco, Noites Cariocas, Santa Morena, Vibrações, Assanhado, Reminiscências e Remelexo. O Sexteto Gaúcho é formado por Mathias Pinto no violão 7 cordas, Alexandre Susin no cavaquinho, Guilherme Sanches no pandeiro, Elias Barboza no bandolim, Samuca do Acordeon e Lucian Krolow na flauta.
Sexteto Gaúcho – Foto:Tom Silveira