JULIO RIBEIRO é o novo âncora da RÁDIO GUAÍBA

687
COMPARTILHAR

Dentro da reformulação de grade iniciada há algumas semanas, a Rádio Guaíba anunciou hoje a contratação do jornalista Julio Ribeiro como novo âncora da emissora. Com mais de 30 anos de carreira, o profissional já teve passagens por Pampa e Grupo Bandeirantes, nos anos 1980 e 1990. Empresário, ele é também publisher de vários veículos de comunicação, entre eles as revistas Press e Advertising. “O Júlio traz a experiência que buscamos e ao mesmo tempo representa uma renovação, uma oxigenação na nossa grade”, afirma o diretor executivo da Rádio Guaíba, Claudinei Girotti.

O profissional assumirá os microfones da histórica emissora no horário compreendido entre as 13h10 e 15h. Com isso, o Esfera Pública – que permanecerá na grade – será transmitido entre as 15h e 16h. “O Julio é um profissional versátil. Que sabe imprimir a seriedade que uma entrevista mais dura exige, mas ao mesmo tempo consegue comunicar com a leveza que determinados momentos permitem. É uma habilidade que nem todos têm”, define o gerente-geral da emissora, Guilherme Baumhardt.

O novo programa ainda não tem um nome definido, embora já exista um conceito estabelecido. “Com as plataformas digitais, os limites de uma rádio foram ampliados, não estão mais restritos ao sinal do FM ou do AM. A Guaíba é uma marca muito forte, com aderência em diferentes regiões do Brasil. A proposta é fazer um programa que tenha apelo nacional, sem esquecer o localismo que as rádios ainda carregam. É um desafio e tanto”, afirma Julio Ribeiro.

O programa terá ainda colunistas, convidados especiais e entrevistas. “Opinião, que é o grande diferencial hoje na comunicação, será uma marca da atração. Informação pura e simples acabou virando ‘commodity’, pode ser acessada em diferentes plataformas e canais, muitas vezes sem custo para quem a consome. O diferencial está na análise, na leitura que é feita daquele fato ou evento”, analisa Baumhardt.

“Sou um sujeito com posição. As pessoas podem gostar ou não, podem concordar ou não. Mas isso é da vida. O que pretendo fazer é um convite para reflexão, provocar no melhor sentido”, declara Ribeiro.

A estreia deve ocorrer na segunda quinzena de outubro.