Cápsula, novo estudo comportamental da RBS, é lançado para o mercado

92
COMPARTILHAR

A RBS foi para as ruas entender os comportamentos que estão mudando as relações sociais e de consumo no Rio Grande do Sul. O resultado do estudo, que começou a ser planejado em março de 2018, foi apresentado durante evento nesta quinta-feira (11), no Centro de Eventos do Barra Shopping Sul.

No encontro foram apresentadas cinco tendências que estão ajudando a moldar a época em que vivemos. São elas: Consumo Consciente (a preocupação do gaúcho em relação ao meio ambiente), Diversidade (a queda dos padrões demográficos e o efeito no consumo), Longevidade (a nova terceira idade e o que muda no comportamento dessa geração), Bem-Estar (motivações e consequências da preocupação em ser saudável) e Novo Urbano (espaços que estão ganhando novas definições e o reflexo disso para o mercado).

A pesquisa identificou um termômetro das tendências: entre elas, Consumo Consciente é o hábito mais consolidado entre os gaúchos, com 62% de adoção. Bem-Estar e Longevidade possuem uma popularidade de 56% cada. Já Diversidade e Novo Urbano são as tendências menos adotadas no Estado, com 42 e 31% cada, respectivamente. O estudo também apontou que a maioria dos hábitos são adotados por algum gatilho pessoal. Os costumes presentes no dia a dia dos gaúchos, a adoção de novas práticas e a expectativa dos entrevistados em relação a novas atitudes das marcas são alguns dos aspectos apontados em cada uma das tendências mapeadas.

Desenvolvido pela área de RBS Intelligence, o levantamento é utilizado como insumo para ajudar os clientes a identificarem riscos e oportunidades para suas marcas e criarem melhores estratégias de negócio.

– A grande mensagem sempre que falamos em tendências é o convite para explorar. Um convite para olhar para esses comportamentos e identificar as oportunidades em movimento. O Cápsula tem trazido muitos aprendizados para nós e, a partir de agora, queremos compartilhar o que aprendemos com todo o mercado para ajudar nossos clientes a fazer uma comunicação mais efetiva – afirma o diretor-executivo de Marketing do Grupo RBS, Marcelo Leite.

O estudo foi elaborado a partir de 2,3 mil entrevistas com pessoas de diferentes regiões do Estado, realizadas em janeiro e fevereiro deste ano, além de 31 entrevistas em profundidade feitas com o público de Porto Alegre e do interior do Rio Grande do Sul. Cinco entrevistas em profundidade com especialistas do mercado e cinco com formadores de opinião do Grupo RBS – Maria Horn (Bem-Estar), Marina Pagno (Diversidade), Mário Corso (Longevidade), Thamires Tancredi (Consumo Consciente) e Tulio Milman (Novo Urbano) – também contribuíram para o resultado final do estudo.