Banrisul anuncia recursos de R$ 4,1 bilhões para o Plano Safra 2020/2021

487
COMPARTILHAR

O Banrisul anunciou, nesta quinta-feira (02), o seu Plano Safra 2020/2021, com dotação de R$ 4,1 bilhões em recursos para o agronegócio do Rio Grande do Sul. O valor é 26% superior ao disponibilizado no período anterior. Desse total, R$ 500 milhões serão destinados exclusivamente para o financiamento de investimentos e R$ 3,6 bilhões para as demais linhas do agronegócio, como custeio, comercialização e industrialização. O volume de recursos para a agricultura familiar é de R$ 800 milhões, aos médios produtores são R$ 635 milhões, e para os demais produtores, cooperativas e empresas do setor, é de R$ 2,67 bilhões.

O anúncio ocorreu em uma coletiva de imprensa virtual, que contou com a presença do governador do Estado, Eduardo Leite; do secretário estadual da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural, Covatti Filho; da diretoria e executivos do Banco, e de jornalistas.

“Nós olhamos para este momento de tantas dificuldades pelo qual passa o mundo inteiro, não apenas o RS, sabendo que essas dificuldades passarão, e permanece é a nossa histórica capacidade de superação, a garra do povo gaúcho, o empreendedorismo, especialmente, no agronegócio. O nosso Estado é uma grande referência em produção agrícola e tenho absoluta convicção de que superaremos esse momento dando condição de retomada de desenvolvimento. O Banrisul já fez sua parte, dando suporte para o enfrentamento da estiagem, e, agora, renova o seu compromisso com o desenvolvimento do Estado e com o agronegócio a partir deste Plano Safra”, destacou o governador Eduardo Leite, agradecendo pela parceria do Banco, especialmente as equipes que executarão o plano na ponta, levando o crédito aos “empreendedores do campo”.

Para o secretário Covatti Filho, “o plano contempla dois dos principais focos da secretaria, que é trabalhar incentivos à irrigação e à armazenagem. Certamente, vamos avançar para aumentar a área irrigada e diminuir a deficiência de armazenagem. Parabéns ao Banrisul por participar cada vez mais do agro gaúcho”.

De acordo com o presidente do Banrisul, Cláudio Coutinho, os números refletem o direcionamento estratégico dado ao setor. “Nos últimos três anos, o Banrisul investiu, e continuará investindo, na modernização de sua atuação no agronegócio, com o aperfeiçoamento de processos internos, implementação de tecnologias para avaliação, contratação e acompanhamento de operações de financiamento, capacitação dos nossos colaboradores, desenvolvimento da oferta de produtos e serviços e o aprimoramento da atuação comercial e mercadológica do Banco no setor”, ressaltou.

O dirigente destacou, ainda, que o Banrisul já iniciou o recebimento de propostas de financiamento nesta quarta-feira (01.07). “Para agilizar o acesso ao crédito rural, já temos uma parcela significativa de nossa carteira de clientes com limites pré-aprovados pelo Banco para financiarem o custeio agrícola e pecuário e para investimento, com as equipes das agências treinadas e preparadas para operacionalizarem os pedidos para a nova safra”, frisou.