Livro resgata história da agropecuária no RS

735
COMPARTILHAR

Durante a programação da Expointer 2018, o SENAR-RS apresentará oficialmente o livro Agropecuária – Vocação Rio-grandense de todos os tempos. Com autoria de Alcy Cheuiche, a obra foi produzida em comemoração aos 25 anos da entidade, trazendo um intenso resgate histórico da agropecuária no Estado. A cerimônia de lançamento com sessão de autógrafos ocorrerá no dia 25/9, a partir das 18h30, na Casa da Farsul no Parque Assis Brasil.

Com 304 páginas, o livro resume em textos e fotos um trabalho de pesquisa sobre o desenvolvimento agrícola e pecuário que consolidou o Rio Grande do Sul como referência brasileira e mundial. Em uma espécie de linha do tempo, retrata o surgimento e o início de importantes culturas, seu aperfeiçoamento, a importância no cenário gaúcho e como cada uma delas está hoje. Também, fala em lideranças e entidades como o SENAR-RS que colaboraram neste processo O trabalho também destaca histórias de iniciativas como a própria Expointer, que desde sua criação, no início do século XX, contribui na promoção da agropecuária gaúcha no cenário internacional.

Alcy Cheuiche costura alguns trechos da obra a poesias de grandes nomes da cultura regionalista, evidenciando a forte influência da agropecuária no desenvolvimento intelectual da sociedade. Lembra de figuras consagradas como Jayme Caetano Braun, Simões Lopes Neto e Barbosa Lessa, que buscaram a inspiração no campo para suas produções. Entre outros diversos conteúdos históricos, o livro resgata a contribuição de diversas etnias no desenvolvimento de importantes culturas agrícolas no Estado, processo que teve início nos povos indígenas das Missões ao trazerem o cultivo do milho há mais de mil anos.

O superintendente do SENAR-RS, Gilmar Tietböhl, ressalta o livro como um retrato de como nasceu a agropecuária no Rio Grande do Sul e como atualmente constitui sua importância no quadro econômico, cultural e social do Estado. “Ao propormos esse livro, focamos em promover um conteúdo de fácil acesso, rico em informações e imagens, a fim de ressaltar a ligação que todos nós gaúchos temos com o campo. Sem dúvida, será um excelente material para pesquisas, inclusive de estudantes do ensino fundamental e médio de nossas escolas”.

Ao mesmo tempo em que presta uma homenagem aos homens, mulheres e famílias que construíram o Rio Grande do Sul a partir do meio rural, o livro enaltece a relevância do setor à construção econômica do Estado e do País. “O leitor compreenderá a força histórica que a agricultura e a pecuária representam”, comenta Alcy Cheuiche, que também é veterinário, membro da Academia Brasileira de Medicina Veterinária, além de integrar a Academia Rio-Grandense de Letras. O autor ainda destaca a publicação simultânea do livro em espanhol como forma de homenagear também os povos dos países vizinhos que de alguma forma contribuíram neste processo histórico.