Hipnose Não Verbal é opção de tratamento terapêutico para pessoas com dificuldade de comunicabilidade

330
COMPARTILHAR

Todo mundo carrega algum tipo de trauma, transtorno ou problema emocional. A raíz do distúrbio, em muitos casos, é tão profunda que não consegue ser detectada pelo paciente. Ou, então, o bloqueio é tão forte que ele não consegue falar sobre a dificuldade. A Hipnose Não Verbal, um braço da hipnose clínica, já reconhecida pelos conselhos de Medicina, Psicologia, Odontologia, Fisioterapia, entre outros, é a opção de tratamento ideal para estas pessoas.

 “É importante dizer que na hipnose clínica tradicional, o uso da fala é constante para que a pessoa altere o estado de consciência. Já na hipnose não verbal, chegamos ao emocional através da análise do comportamento, dos gestos e dos toques”, afirma o hipnoterapeuta Marcelo Behn, com formação Internacional em Hipnose Clínica pela The American Hypnosis Association e pela National Guild of Hypnotists. Ou seja, na hipnose clínica tradicional, o indivíduo ouve o que o hipnoterapeuta diz, pensa e altera as ações. Enquanto na não verbal os sentidos são hiperestimulados, sendo uma boa ferramenta para se chegar ao emocional das pessoas, mesmo quando não conseguem externar o que sentem. “hipnose está ligada ao uso correto de algumas palavras significativas. Agora, estudos demonstram que apenas uma pequena parte da comunicação, em torno de 7%, acontece dessa forma. É assim que a hipnose não verbal se sobressai”, diz Behn.

AUTISMO – A Hipnose Não Verbal pode ser uma alternativa interessante para trabalhar com indivíduos autistas, cuja ansiedade e dificuldade de interagir são grandes. Neste caso, no entanto, o toque não faz parte do tratamento, já que os autistas possuem sensibilidade extrema ao toque. Marcelo Behn destaca, no entanto, que a hipnose deve ser considerado um dos tratamentos alternativos para o transtorno.

CURSO EM PORTO ALEGRE
O hipnoterapeuta Marcelo Behn ministrará um curso sobre Hipnose Não Verbal nos dias 15, 16 e 17 de janeiro em Porto Alegre. Informações podem ser obtidas no www.marcelobehn.com.br. Marcelo possui formação de Master Practitioner em PNL, pela The Society of NLP (USA), de Practitioner em PNL, pela The Society of NLP (USA), e formação Internacional em Hipnose clínica  pela The American Hypnosis Association, e pela National Guild of Hypnotists. Além disso, tem Certificação em Hipnose não verbal, pelo Instituto Rogério Castilho, Certificação Internacional em mesmerismo e Fascinação Hipnótica.

Marcelo Behn – Instagram: @marcelohipnose