ELAS recebem Deborah Finocchiaro e Martha Medeiros como artistas homenageadas no CHC Santa Casa

COMPARTILHAR

Após o Porto Verão Alegre, a performance que aborda as diferentes faces e papéis da mulher contemporânea terá duas apresentações especiais. As sessões serão nos dias 20 e 21 de março, às 20h, no CHC Santa Casa.

A cada apresentação, uma artista é homenageada e faz a abertura do espetáculo. A ideia é reverenciar o trabalho de mulheres que nos precederam e, também, potencializar a experiência do público. Nesta temporada, dois fortes nomes estarão no palco com ELAS.

No primeiro dia, a apresentação conta com Martha Medeiros, escritora e colunista dos jornais Zero Hora e O Globo. Lançou 27 livros, entre eles “Feliz por Nada”, “Doidas e Santas”, “Fora de Mim”, “Divã” e “Simples Assim”, todos adaptados com sucesso para o teatro. É autora também de relatos de viagens (“Um Lugar na Janela 1 e 2”)  e tem parcerias musicais com Frejat, Nenhum de Nós e Jota Quest.

Já no segundo dia, a abertura fica a cargo de Deborah Finocchiaro, atriz  com centenas de trabalhos no teatro, cinema e televisão no currículo. Também é diretora, locutora, apresentadora, roteirista, produtora e ministrante. Ao longo da carreira, recebeu 33 prêmios, entre eles 9 de Melhor Espetáculo, 18 de Melhor Atriz, 1 de Melhor Direção, 1 de Melhor Texto Adaptado, 1 de Melhor Roteiro e 3 como Melhor Artista de Teatro. Criou a Companhia de Solos & Bem Acompanhados, que atualmente tem em seu repertório obras como “Pois é Vizinha…” (1993), “Caio do Céu” (2017) e “Diário Secreto de Uma Secretária Bilingue” (2019).

No palco, Kacau Soares, Leticia Kleemann, Paula Cardoso, Raquel Tessari e Val Barcellos, além de Amanda Hamermüller (como stand-in), dão vida e voz a mulheres que se identificam, se distinguem e se reconhecem em imagens refletidas na água – o sexto elemento na cena.

A apresentação do dia 21 ainda reserva grandes surpresas ao público. Além das atrizes, 20 mulheres estarão em cena, trazendo um impacto diferenciado e oportunizando às participantes a experiência de estar com ELAS em outro lugar. A montagem do diretor Everson Silva tem por objetivos fortalecer o grupo de mulheres artistas da companhia Nós, apresentar a todos públicos uma obra singular em que se possa reconhecer, por meio das histórias particulares de cada atriz, os papéis fundamentais que as mulheres desempenham na sociedade, e, finalmente, realizar um espetáculo no qual as mulheres se sintam representadas.

FICHA TÉCNICA
Direção: Everson Silva
Produção: Pedro dos Santos
Atuação: Kacau Soares, Leticia Kleemann, Paula Cardoso, Raquel Tessari e Val Barcellos. Stand-in: Amanda Hamermüller
Dramaturgia: Everson Silva, a partir do material criado coletivamente, com citações de “Desta Cor” de Fernanda Bastos (gentilmente cedida pela Figura de Linguagem)
Trilha Sonora: Composição original de Maninho Melo (Jeff Mou)
Cenografia:  Everson Silva, Jony Pereira e Pedro dos Santos
Iluminação: Veridiana Mendes
Figurino: Letícia Brochier
Fotografia: Jean Pierre Kruze
Arte: Amanda Hamermüller
Comunicação: Amanda Hamermüller e Thayse Uchoa
Realização: Nós Cia. de Teatro

SERVIÇO
ELAS
Data: 20 e 21 de março
Horário: 20h*
Local:  CHC Santa Casa (Av. Independência, 75)
Duração: 50 min
Gêneros: Performance, Drama, Poético.
*não será permitida a entrada após o início da apresentação

Ingressos
Os ingressos podem ser adquiridos pelo site www.sympla.com.br/elas__791206
Ou no ponto de venda:
Loja CHC (Av. Independência, 75)
Segunda a sexta-feira, das 9h às 18h