“Edifício Cristal” reúne equipe de profissionais renomados e deverá ser visto na Casa de Cultura Mario Quintana, em Porto Alegre

COMPARTILHAR
Edifício Cristal - Foto: Alex Ramirez
Com o avanço da pandemia, ficar em casa tornou-se também um sinal de respeito ao próximo e, acima de tudo, um refúgio seguro. Mais que isso: um palco para as ações dos tempos atuais. Nova criação da Cia. Incomode-Te, Edifício Cristal reflete esse cenário em que é preciso reproduzir a vida e todas suas emoções em pouco espaço.
Em vez de louças e pratarias, uma cristaleira repleta de miniaturas irá contar onze histórias fictícias sobre personagens vivendo em quarentena. Um espelho do nosso cotidiano, exatamente como um condomínio. Cada apartamento terá um número e, para escutar o que se passa lá dentro, basta apenas escolher a unidade, apertar um botão e colocar os fones. Aí o espetáculo começa com as vozes dos atores Carlos Ramiro Fensterseifer, Liane Venturella, Letícia Vieira e Nelson Diniz. A trilha sonora original é assinada por Angelo Primon. Juan Quintáns está à frente da engenharia de som. A iluminação minimalista é de Ricardo Vivian e as fotos são de Alex Ramirez.
Foto: Alex Ramirez
A previsão é que a instalação interativa possa ser vista pelo público, gratuitamente, em abril, na Casa de Cultura Mario Quintana, em Porto Alegre. A definição da estreia ainda depende de alterações no quadro sanitário da capital em decorrência da covid-19. A iniciativa integra a mostra que comemora os 12 anos da trupe e é produzida pela Primeira Fila Produções.