“As Filhas de Bernarda”: filme realizado por Ivan Abujamra, da CINE, conquista mais dois prêmios em Festivais Internacionais

156
COMPARTILHAR

O filme “As Filhas de Bernarda” acaba de conquistar mais dois prêmios internacionais: melhor “Filme de Dança” no Festigious Internacional Film Festival – uma competição mensal que acontece em sessões fechadas, em que os jurados selecionam e premiam os melhores filmes de diversas categorias – e “Melhor Narrativa”, a mais alta categoria do The Rethink Dance Film Festival, voltado para filmes que desafiam as formas tradicionais de narrativa coreográfica e expressão artísticas, refletindo a beleza e a sincronicidade entre a coreografia da dança e a coreografia da cinematografia.

Realizado por Ivan Abujamra, diretor de cena da produtora Cine, o filme narra, por meio da dança flamenca, a história de cinco filhas constantemente censuradas em seus desejos e confinadas à solidão. Ainda assim, o desejo se impõe e traz momentos de euforia, dor, esperança e conflitos. No mês passado, a obra conquistou o primeiro prêmio internacional no London New Renaissance Film Festival como melhor Filme de Dança.

Realizado a partir do espetáculo teatral de mesmo nome, o filme tem duração de 45 minutos. A peça é uma inspiração da diretora de teatro e coreógrafa brasileira Clarisse Abujamra ao clássico da dramaturgia “A Casa de Bernarda Alba”, escrito por Federico Garcia Lorca em 1936. A atriz, em 2019, adaptou, fez a concepção coreográfica e dirigiu o espetáculo chamado “As Filhas de Bernarda”, com produção feita em parceria com o estúdio de Flamenco Ale Kalaf. A obra é sobre as relações entre mãe e filhas a partir da reclusão imposta por Bernarda após a morte do marido.

Estiveram em cena as bailarinas Ale Kalaf, Carol Corrêa, Ximena Espejo, Fernanda Viana e Nina Molinero. Música original composta por Allan Harbas, no cajon Lucas Ruedas, mixagem e Cello de André Abujamra. Com direção de fotografia de Ivan Abujamra e Eduardo Carapito, montagem de Lucas Camara, color grade de Sergio Cicinelli e supervisão de pós-produção de Marcos Eduardo.