Aliança Francesa Porto Alegre promove Débats d’idées virtual com o ilustrador francês Jean-Denis Pendanx

470
COMPARTILHAR

Um dos principais nomes do mundo dos quadrinhos franceses na atualidade, Jean-Denis Pendanx, participa de um Débats d’idées virtual na sexta-feira, 19 de junho, às 16h. O artista vai compartilhar as histórias e as aventuras que saltam das páginas de seus livros. Com 30 anos de carreira, o ilustrador francês conta com uma vasta obra, passando por temas históricos e contemporâneos, além de entrar em diferentes processos de pesquisa e imersão em seu trabalho.

O evento online é gratuito e aberto a todos. O link para participar será disponibilizado no site da www.afpoa.com.br no dia do evento (19/6). A mediação será de Diego Groisman, vencedor do Prêmio Incentivo Jovem Curador – Institut Français e Aliança Francesa, em 2019, e contará com a participação de Paulo Silveira, professor do PPGAV IA/UFRGS.

O artista – Nascido em 1966, Jean-Denis Pendanx vive em Gironde, no sudoeste da França. Tem se mostrado cada vez mais um desenhista da viagem, tanto geográfica como interior, já que o seu trabalho traduz o mais próximo possível a humanidade em todas as suas complexidades. Ilustra os mundos mais remotos, selvagens e diferentes da nossa sociedade, a meio caminho entre a reportagem e a ficção.

Jean Denis Pendanx
© Alain Bujak Editions Futuropolis 2019

Sua obra, ainda pouco publicada no Brasil, mostra como o ilustrador fica imerso nas histórias que se propõe a contar, fictícias ou não, estruturadas por roteiristas ou de própria autoria. Dentro do processo criativo, sua pesquisa passa por bibliotecas, museus, fotos, livrarias e material online. No entanto, a imersão etnográfica acaba por ser uma de suas mais poderosas ferramentas. Foi assim com seus mais recentes trabalhos. Em 2019, lançou Mentawaï!, uma história em quadrinhos-reportagem realizada em parceria com a etnóloga Tahnee Juguin, focada em uma tribo da Indonésia que dá nome ao trabalho.

O Débats d’idées com Jean-Denis Pendanx é uma realização da Aliança Francesa Porto Alegre e do Ministério da Cidadania por meio da Lei de Incentivo à Cultura, com patrocínio da Timac Agro e apoio do PPGAV IA/UFRGS.