Estudo do Grupo RBS sobre os gaúchos é apresentado em Santa Maria

190
COMPARTILHAR

De abril a junho de 2018, o Grupo RBS apresentou o estudo “Persona – quem são e o que pensam os gaúchos?” para cinco cidades do Rio Grande do Sul. Nesta terça-feira (7), foi a vez dos empresários de Santa Maria conferirem a pesquisa. O encontro (Meio Dia em Pauta), organizado pela Câmara de Comércio, Indústria e Serviços de Santa Maria (CACISM), reuniu cerca de 130 representantes de grandes forças locais no Itaimbé Palace Hotel.

Para conduzir o conteúdo, estavam presentes o CEO da RBS, Claudio Toigo Filho, e o diretor-executivo de Marketing da RBS, Marcelo Leite. Na ocasião, eles trataram sobre a transformação da empresa e detalhes do Persona com recortes específicos para a região. “O propósito da RBS é comunicar, entregando o melhor do jornalismo e entretenimento. E, com o Persona, entregamos oportunidades para os nossos parceiros se comunicarem melhor com os gaúchos, reforçando o nosso posicionamento enquanto parceiros de negócios”, destacou Toigo.

Resultado de uma parceria entre o Grupo RBS e a Consumoteca, o “Persona” trata-se de um mergulho no universo dos gaúchos para entender o comportamento, os valores, a expectativa de futuro e os hábitos de consumo de quem vive no Rio Grande do Sul. “Entendemos que a RBS é uma parceira de negócios e que a comunicação movimenta o ponteiro dos resultados. O Persona materializou o conhecimento sobre o gaúcho para otimizar a entrega de soluções”, afirma Leite.

Marcelo Leite no Persona em Santa Maria. Crédito Leonardo Mattos.

A partir de 1,8 mil entrevistas com pessoas de diferentes regiões do Estado, descobriu-se que existem cinco tipos de perfis entre a população, agrupados conforme a identificação de cada um com a cultura regional: “Gaúcho fiel (35%)”, “Gaúcho raiz (14%)”, “Gaúcho não praticante (24%)”, “Gaúcho exportação (14%)” e “Gaúcho desapegado (13%)”. Desses, 73% valorizam as tradições, ainda que apenas 49% participe. Ao contrário do senso-comum, a pesquisa revelou que os perfis extremos não são diferenciados pela idade, mas sim por fatores como escolaridade, estrutura familiar e renda.

Buscando estar cada vez mais conectado com seu público, o Grupo RBS esteve em Lajeado, Caxias do Sul, Pelotas, Rio Grande, Passo Fundo e Santa Maria para compartilhar conhecimentos sobre os gaúchos. Ao todo, cerca de 850 empresários conheceram um dos mais completos levantamentos já realizados sobre a identidade rio-grandense.