Royal Canin lança podcast “Papo de Gato”, com participação da influenciadora digital Tchulim

COMPARTILHAR

A fabricante de alimentos para animais domésticos Royal Canin vai lançar um podcast para debater o cotidiano dos gatos e a relação com donos. Ideia concebida pela agência SA365, o programa “Papo de Gato” será comandado pela criadora de conteúdo digital
Carol Rocha, mais conhecida como Tchulim. A estreia acontece no próximo dia 08 de agosto em todas as plataformas digitais, mesmo data em que é comemorado o Dia Internacional do Gato.

Ao todo, serão 18 episódios a serem transmitidos até a primeira semana de dezembro, sempre às segundas-feiras. O programa vai abordar temas como adaptação e comportamento do gato em uma nova casa, castração, ninhadas, obesidade e até o relacionamento com outros animais.

De acordo com Gláucia Gigli, diretora de Marketing da Royal Canin Brasil, a ação está ligada à segunda etapa da campanha #MeuGatoNoVet, que busca educar tutores sobre a importância da realização de visitas periódicas ao médico-veterinário. “Temos o compromisso de compartilhar conhecimento sobre saúde e nutrição de pets e, nos últimos dois anos, percebemos um aumento na produção de conteúdo em formato de áudio. Foi quando entendemos ser um bom momento para colocarmos o nosso canal de podcast no ar”, afirma a executiva.

Para Gui Rios, diretor executivo da SA365, o podcast é o formato ideal para que a marca possa prestar serviço de relevância a quem goste e cuide de gatos, unindo a Royal Canin a uma produtora de conteúdo digital muito valorizada pelo público como é o caso de
Tchulim. “A ideia é criar um ambiente que informe, divirta e que mantenha o mesmo padrão de qualidade que a Royal Canin já entrega com seus produtos”, afirma o publicitário, um dos responsáveis pelo planejamento da ação.

A produção também fica a cargo da SA365, que conta com uma produtora audiovisual própria desde 2014, o que garante agilidade em criações audiovisuais para clientes. A agência tem ainda um estúdio exclusivo para podcasts, que tem servido como uma ferramenta importante na comunicação das marcas desde o ano passado.
O mercado de podcasts deve movimentar US$ 1,1 bilhão em 2020, segundo estudo conduzido pela Deloitte. Com o Brasil sendo o segundo maior mercado consumidor desta modalidade de mídia, a escolha do formato se justifica, especialmente quando se soma o fato de donos de pets serem, atualmente, majoritariamente jovens — com faixa etária entre 25 e 44 anos.

No Brasil, de acordo com a Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet), há cerca de 141,6 milhões de animais domesticados, sendo mais de 51 milhões de cães, 40 milhões de aves, 24 milhões de felinos e 19 milhões de peixes.
O país possui a quarta maior receita no setor de pets, com um faturamento de mais de R$ 22 milhões