Publicitário transforma incômodo do salto alto em franquia de 18 milhões

116
COMPARTILHAR

O empreendedor Edison Edwin transformou uma ideia inusitada em uma solução que tem virado sensação nas festas de famosos de todo o Brasil. A proposta de oferecer sapatilhas anatômicas, em máquinas de vending machine, para as mulheres descansarem os pés detonados pelo salto alto em festas como casamento, 15 anos e até mesmo nos bem frequentados camarotes da Sapucaí, fez o publicitário Edison Edwin ser a solução número 1 quando o assunto é: lembrancinhas!

“Coloquei o nome dessa ideia doida de Sapatizi. Distribuímos fichas para cada uma que se cansa do salto alto ir lá na máquina, pegar sua caixinha com o kit do conforto: sapatilha, prendedor de cabelo e um saquinho para guardar o salto alto.” explica Edwin que acaba de transformar a ideia em franquia e replicá-la em Portugal e EUA.

A empresa existe desde 2013 e já com com mais de 7 mil eventos realizados. Como os homens começaram a questionar o fato de só mulheres ganharem esse mimo, o empreendedor acaba de lançar a linha masculina que promete aquecer os pés da rapaziada no inverno. O primeiro a experimentar essa nova investida de Edwin foi o jogador do flamengo Everton Ribeiro. O craque apostou nas pantufas masculinas como lembrança para os convidados e colegas do Flamengo que estiveram em seu aniversário de 30 anos.

Na Sapatizi, o time chegou a conclusão de que seria pertinente desenvolver uma solução para o público infantil, já que nas festas os pais costumavam perguntar se não havia algo para as crianças colocarem na hora das brincadeiras. Foi então que surgiu a Sapatizi Kids, cuja proposta é evitar que as crianças brinquem descalças durante as atividades recreativas.