Natura mobiliza consultoras em campanha nacional contra a evasão escolar

257
COMPARTILHAR

A linha de produtos Natura Crer Para Ver, em parceria com o Instituto Natura, lança a campanha “Volta Pra Escola”. O objetivo principal é sensibilizar as Consultoras Natura, seus familiares e clientes o papel social da escola e a importância do retorno às aulas presenciais, levantando a bandeira contra a evasão escolar.

“As Consultoras Natura estão na frente de todo o movimento de Educação da Natura, encabeçada pela venda dos produtos Crer Para Ver. E este ano é especialmente desafiador para Educação em função do impacto da pandemia, que obrigou estados e municípios a suspender as aulas presenciais, agravando ainda mais as nossas desigualdades educacionais”, explica David Saad, diretor-presidente do Instituto Natura. “Por isso, este é o momento de mobilizar toda a sociedade para a retomada com foco total na recomposição da aprendizagem. Não podemos deixar ninguém para trás”, conclui.

A campanha contará com um hotsite exclusivo (www.voltapraescola.natura.net), que oferece uma jornada de reflexão, com dados e informações de conscientização sobre evasão escolar, além de uma série de vídeos com histórias particulares de Consultoras Natura. Por meio do site é possível se cadastrar para mostrar apoio à campanha. Somado a ele, todas as Consultoras receberão o jogo “Volta Pra Escola”, a fim de incentivar as crianças e jovens do seu entorno para retomada dos estudos.

Desde 1995, os produtos de Natura Crer Para Ver, única linha não-cosmética da Natura, têm o lucro integralmente revertido ao apoio da educação pública (por meio da alfabetização das crianças até os sete anos de idade e o ensino médio em tempo integral para os jovens) e do desenvolvimento integral das Consultoras de Beleza Natura por meio da educação. Todos os recursos de Natura Crer Para Ver são geridos pelo Instituto Natura, responsável por implementar as iniciativas.

A atuação da venda da linha pelas Consultoras sustenta todas as ações de educação da instituição e segue sendo feita porta a porta, mas com um expressivo processo de digitalização que já existia antes da pandemia e agora segue mais forte e com uma série de cuidados e orientações no envio dos produtos para as consultoras a fim de evitar contágio.

Fonte: CDN Comunicação