Movimento #FutebolSemPreconceito, da LiGay e AlmapBBDO, inspira novas campanhas

197
COMPARTILHAR

O movimento #FutebolSemPreconceito, contra a homofobia em campo, tem rendido bons resultados e inspirado novas campanhas com a camisa 24.

A iniciativa, lançada pela LiGay (maior liga de futebol LGBTQIA+ do mundo) e pela agência AlmapBBDO, que vestiu a estátua do Pelé com a camisa 24 na madrugada do dia 16 de janeiro, ganhou fôlego na última semana. Na esteira das movimentações contra o preconceito no futebol, até agora, os times Esporte Clube Bahia, Flamengo, Fluminense (com os jogadores Flávio Medeiros, Gabigol e Nenê, respectivamente) adotaram a camisa 24 em campanha patrocinada por uma grande marca de bebidas, no início da semana passada. O Corinthians também anunciou que usaria a 24. O jornalista esportivo Mauro Beting lançou a hashtag #PedeA24, também na última semana, em campanha para a revista Corner, o que foi replicado por outros nomes do jornalismo esportivo.

Para Luiz Sanches, CCO & Chairman da AlmapBBDO, “é incrível ver uma iniciativa como a do #FutebolSemPreconceito, lançada pela LiGay na ocasião em que vestiu a estátua do Pelé em Santos, reverberar e inspirar outras ações semelhantes para outros times de futebol, a favor da diversidade em campo. Quando os esforços se somam, os resultados concretos logo aparecem. Futebol e sociedade só têm a ganhar com essas movimentações”.

Para o Presidente da LiGay, Josué Machado, “ver outras ações acontecendo e os atletas usando a camisa 24 nos faz ter a certeza de que estamos no caminho certo. Que possamos ver cada vez mais equipes pelo Brasil adicionando essa numeração aos seus times”, finaliza Josué.