ARP reinventa Salão da Propaganda

761
COMPARTILHAR

Se o ano de 2020 foi atípico para todo mundo (literalmente todo mundo), onde a grande maioria precisou reinventar seus negócios, a ARP (Associação Riograndense de Propaganda) não ficou para trás e mostra ousadia ao mudar novamente a tradicional premiação do mercado gaúcho, o Salão ARP  da Propaganda.

Este ano, não terão aquelas categorias todas e nem as clássicas premiações de Agência do Ano e Publicitário do Ano. Serão julgados cases de pessoas e de empresas que usaram a comunicação e o marketing de forma criativa para enfrentar o ano de pandemia que alterou completamente a dinâmica do mercado. A entidade “ouviu” a opinião dos associados para entender como seria a “entrega” de um evento condizente com o momento de incertezas e inseguranças. O formato anterior será substituído, excepcionalmente em 2020, por duas modalidades: o ConectArp e o ReinventArp. Um voltado para pequenos negócios locais impactados pela pandemia, para que através de novas conexões, a empresa possa se restabelecer. O outro visa reconhecer os principais projetos de reinvenção de negócios. De acordo com Liana Bazanela, presidente da ARP, ano que vem volta ao “normal”.

Segundo Liana, é uma forma de valorizar mais os CPFs do que os CNPJs. “Este ano o foco será diferente. Mais do que premiar, vai ser momento de devolver para sociedade a importância da comunicação. Vamos destacar as melhores oportunidades do ano”, conta.

Renata Schenkel, vp de relacionamento da ARP, reforça que a ARP quer dar visibilidade para as iniciativas. “Não são bem cases, mas projetos que foram colocados no ar que merecem ser vistos, compartilhados. A ideia é compartilhar ideias e insights para inspirar. Foi um ano super desafiador. Será um salão bem diferente este ano”, comenta. “Chamamos de prêmio mas podemos dizer que é um reconhecimento. Ou seja, reconhecer práticas e ações de marketing que fizeram a diferença neste ano”, complementa Liana.

O evento on-line será transmitido pelo YouTube a partir de um estúdio e com acesso de forma gratuita, a fim de democratizar. As inscrições vão até o dia 27 de novembro e o evento on line acontece no dia 8 de dezembro.